O game de ação e suspense da Microsoft Studios e da Remedy Entertainment, Quantum Break já está disponível no Xbox One e no Windows 10. A versão para o console pode ser encontrada na Xbox Store, na Microsoft Store e nas principais lojas do varejo por R$199. Já a versão de Windows 10 pode ser adquirida e baixada via Windows Store pelo mesmo preço.

A Remedy Entertainment também realizará hoje (5) às 14:00 em sua conta do Twitch um livestream do jogo junto à equipe de desenvolvimento, incluindo o diretor criativo Sam Lake, diretamente da sede da empresa, em Espoo, Finlândia. Toda a transmissão poderá ser vista também no arquivo da Remedy no Twitch.

qb_live

Quantum Break é uma experiência única, parte videogame e parte série em live action, com um elenco de alto nível, incluindo Shawn Ashmore, o Homem de Gelo de X-Men como o protagonista Jack Joyce, Aidan Gillen, o Mindinho de Game of Thrones como o vilão Paul Serene, e Dominic Monaghan, o hobbit Merry de O Senhor dos Anéis como Wiiliam Joyce. A história do jogo é rica e repleta de personagens com as já conhecidas viradas dramáticas da Remedy. As escolhas feitas na história afetam a fusão entre o gameplay e a série, com uma experiência única para cada jogador.

Toda cópia de Quantum Break vem com Alan Wake completo para Xbox 360, além de dois pacotes adicionais, The Signal e The Writer, jogáveis no Xbox One via retrocompatibilidade. O pack de Alan Wake também será disponibilizado junto ao Xbox One Quantum Break Special Edition, que chega às lojas brasileiras com um Xbox One de 500 GB, um controle sem fio e a cópia digital do game por R$2.499 e por tempo limitado.

Midnight Madness de Quantum Break 

IMG_1288

Fãs de Xbox One se reuniram ontem (04), no Conjunto Nacional, em São Paulo, para celebrar o lançamento mundial de Quantum Break no Midnight Madness. Durante o evento, que começou horas antes do início das vendas, os convidados puderam experimentar em primeira mão o game em diversas estações espalhadas e ainda interagir com cenários inspirados na história.

IMG_1284

Para Caio Henrique Vilela, desenvolvedor de jogos, “a questão de congelar o tempo em ambientes focados é muito interessante e sai da forma óbvia em que ele é tratado em outros jogos”. Lais Bonacorsi (foto), estudante, aprovou seu primeiro contato com Quantum Break: “Jogo desde pequena e adorei, achei bem legal mesmo! O controle do tempo e a história paralela que se desenrola são bem interessantes”.

Quantum Break já está disponível para Xbox One e Windows 10. Veja como foi o evento no nosso perfil no Twitter.

Fonte: Blog da Microsoft